Peregrinar neste blogue

2005-10-10

Carrilho/Barbara, no seu melhor...

Prostituição cultural

Barbara Guimarães recebeu ate Outubro de 2001, durante todos os meses,5.000 euros (1000 contos) do Ministério da Cultura para realizar um curto programa diário na RDP-Antena 1.

Ao todo foram 60.000 euros (12 mil contos) recebidos em 2000 e cerca de 4500 a 5000 eu
ros por mês em 2001.

Ou seja, o Estado Português gastou com Barbara Guimarães um total de 110.000 euros.Tudo graças a amizade então existente entre o ministro da Cultura e a conhecida estrela de televisão.Manuel Maria Carrilho subsidiou o programa, um pequeno magazine cultural de cinco minutos transmitido de Segunda a Sexta-feira na RDP-Antena 1.

Os 5.000 euros mensais atribuídos por Manuel Maria Carrilho a Barbara Guimarães foram pagos através do Fundo de Fomento Cultural, entidade tutelada pelo Ministério da Cultura e presidida pela actual secretaria-geral do Ministério, Helena Pinheiro Azevedo.

Este deve ser o dinheiro que um contribuinte médio faz de descontosUMA VIDA INTEIRA, sem poder fugir!!!

Como diria o ilustre Manuel Maria Carrilho no Telejornal?
1. Chocado!
2 Surpreendido!
3. Envergonhado!
4. Apanhado!
5. Escondido com o rabo de fora!

4 comentários:

Isabel-F. disse...

nojento é o que é...

bjs

Su disse...

só te digo o carilho nunca mais vai esqueçer e como bem o disse nuno rogeiro "não deixarás de cumprimentar os teus adversários, mesmo que te custe" eheheheheh
ele até poderia escrever um livro repetindo essa frase:))))))
jocas maradas

sldance disse...

já me passaram pela frente esses numeros !!! é mesmo verdade?

Dilbert disse...

Por acaso já tinha lido isto no Jornal... nem sei que diga perante estes casos... e o pior ainda é ver que nada se faz para penalizar e prevenir casos destes...
Um beijinho para ti colega solcad